31 de janeiro de 2014

Opinião Pessoal | Co-Adopção Homossexual




Oi Loves,
hoje volto com outro tema polémico: "A co-adopção de casais homossexuais"!
Com posts destes até parece que estou a pedir para os os haters me virem bater á porta, mas enfim...
Antes de mais nada fiquem a saber que sou heterossexual, e que apesar de não perceber como é que uma menina gosta de outro ser com vagina, a respeito! (Mas não se atirem a mim pls, que o caso aí muda de figura, mas vá, até tenho histórias caricatas para contar aos netos)
Isto só para não dizerem que só homossexuais defendem homossexuais...
Passando ao assunto em si, a minha opinião é a seguinte:
Por alma de quem é que uma pessoa não pode adoptar uma criança só por amar outra pessoa do mesmo sexo?!  
Se a pessoa tiver condições e muito amor para dar, não é preferível do que a criança viver numa instituição, onde muitas saem mal educadas, mal amadas, com histórias de vida tristes e muitas vezes desamparadas?
Não era bom terem uma família, cuidados mais específicos do que viverem com 30 "irmãos" onde quem cuida nem sabe muitas vezes o nome de todos? Não era melhor terem uma infância o mais digna e normal possível?



Que eu saiba só vivemos uma vez, que leis são estas que não deixam haver adopção quando a Legislação fala no "princípio da igualdade"? Supostamente não somos todos iguais perante a lei, independentemente do sexo, da descendência, raça, religião, convicções politicas ou ideológicas, condição social ou opção sexual (etc)... ?
Agora há beneficiados e prejudicados, há privações de direitos é?!
Parem lá de ser mesquinhos e deixem as outras pessoas serem felizes!
Isto para mim é comparável á censura...
Tenho uma amiga que foi criada com duas mães - a mãe biológica e a "colega de quarto da mãe" - Brincávamos e sempre foi uma criança feliz e completamente normal, agora é médica (isto para não terem pena dela que ela não é nenhuma coitadinha)!
Ah e não me venham com a conversa do "ah e tal depois as crianças vêm que os pais são assim e também vão ser" devem-se estar a esquecer do facto de estes pais terem sido criados por pais hetero...
E também não me venham com a conversa do "então e na escola quando for para fazer a prenda do dia da mãe e a criança tem dois pais?" Sempre houve crianças sem mãe e sempre se arranjou soluções!
Se pensam que é assim vão "extinguir" os gay's estão enganados... Aliás meus caros, "o fruto proibido é sempre o mais apetecido"!
O meu receio no meio disto tudo são os velhacos velhos do restelo, já os estou a imaginar a perguntar "Então a qual chamas mamã?"
Vai ter de haver um dia, nem que seja num futuro próximo, que a adopção homossexual será aceite... Existem gay's, aprendam a viver com isso! Não é por vocês os acharem contra-natura que eles vão mudar!
No inicio pode ser estranho, e até mesmo injusto para as primeiras crianças, mas acho que tem de acontecer para depois se tornar uma cena do quotidiano...
Tenho 3 amigas lésbicas e 2 amigos gay's, e não deixam de ser menos humanos por isso. Tem sonhos, aspirações, sentimentos, dias maus e dias bons, trabalham e também pagam impostos!

*Que fique esclarecido que não estou aqui para fazer lavagens cerebrais a ninguém!  Só vos quero mostrar a minha perspectiva... Pensem sobre isto, se tiverem uma opinião diferente da minha opinem na mesma, também gosto de saber outras opiniões *

XOXO,
Sarah

8 comentários:

Sofia A. disse...

Nada contra em relação à co-adopção entre casais homossexuais! E acho que tiveste muito bem em tudo o que disseste!
millions-of-diamonds.blogspot.com

Marisa Cavaleiro disse...

Eu também me revejo naquelas várias tipificações de família que fizeste!
xoxo

Anna disse...

sou da mesma opinião!

Zacarias disse...

Gostei do teu disseste!
R: Oh obrigado Sarah, também gostei do teu!

Marisa Ferreira disse...

Palmas para o que disseste! Não poderia estar mais de acordo.

Venus In Fleurs

Cláudia S. Reis disse...

Eu trabalho com crianças e duvido que alguma delas se importasse caso tivesse duas mães ou dois pais... O que interessa é que sejam amadas e bem tratadas. Sim, numa fase inicial os filhos de homossexuais iriam ser discriminados mas nunca a culpa será dos pais... será das pessoas cujas mentes são fechadas. Essas pessoas sim são contra-natura.

r: Já noto algumas diferenças sim :) Comecei a dieta há 1 mês e o ginásio há 3 semanas e já perdi cerca de 3Kg. Agora estou é curiosa para que chegue o dia da análise corporal mensal para que veja se também perdi cm na zona abdominal.

Laura disse...

Sou da mesma opinião!

♥Cat disse...

Este é daqueles temas sensíveis. Eu sou A FAVOR da co-adopção. Como li em certa parte, todas as crianças que estão em instituições vieram de relações heterossexuais... Não acho que a sociedade aceite a co-adopção se houvesse referendo mas acho lamentável. Somos todos iguais e todos devíamos ter o mesmo direito a a amar. Também eu sou heterossexual, mas acho que o tema não tem com a sexualidade de cada um mas sim com o direito a ser feliz.