19 de agosto de 2010

Sem-titulo


Ás vezes penso que mais valia ter morrido naquele acidente de carro (...)

Egoísta? Talvez.
E depois chego á conclusão que sou uma burra! E estúpida, com pessoas tão boas pessoas a pensarem em mim

Jane

15 comentários:

RuteRita disse...

óh nao digas isso querida... tu tens o teu amor...

annie disse...

concordo com a rute!

RuteRita disse...

Ele ama - te, ele está contigo, podes apoiar - te nele. Agora imagina eu e pessoa que sofrem como eu --'

MartaP. disse...

Credo. não digas disparates.

Gabriela disse...

Ahah, obrigado :)
Oh, que post triste :/ força*

a Gaja disse...

às vezes penso de forma parecida...são momentos de fraqueza. Melhores dias virão, anima-te, pensa que é só uma fase má. Depois da tempestade vem a bonança!!!

Verónnica ઌ disse...

Não digas isso :s

Glo disse...

Eii.
Nunca mas nunca penses isso.. Por que o dia de amanha pode ser melhor que nunca.

Rita disse...

Nao digas isso...as coisas vao melhoras! *

Glo disse...

Este post esta mesmo na etiqueta certa, porque é uma PARVOICE! :)

Kikas disse...

minha querida, não tenho andado por aqui.. chego e leio isto, fico para morrer contigo!
sim, é verdade que há momentos de fraqueza. muitos foram os momentos em que pensei que mais valia não estar por cá. mas, acredita, há quem se preocupe contigo! a tua vida pode não ter sido mas tu fazes todo o sentido para muitas pessoas e é aí que tens que começar para procurar o equilíbrio.
beijinho e muita força :)

Kikas disse...

a melhor forma de me agradeceres é olhares para ti e veres que gostas do que vês :) if you know what i mean..

Rosie disse...

ooh jane, não penses assim.. fiquei triste agora com isto :/

Alison disse...

Não penses nisso... Sabes que eu não acredito no destino nem em nada disso, que já temos a nossa vida traçada... Comigo sou eu que faço a minha vida e não alguém que a fez por mim...
Eu também já me senti assim, já desejei morrer, já desejei não ter nascido, já desejei ter coragem para me matar... (E sinceramente, eu tenho coragem para muita coisa, mas ainda bem que não tenho para isto... Porque se não, poderia não estar a escrever este comentário...)
Isso é normal, não é bom pensar assim, mas é normal... Toda a gente passa por situações más, coisas que nos deixam literalmente sem vontade de viver... A vida é lixada, e todos nós temos a noção disso... Mas muitas vezes não queremos ver isso e depois quando as coisas piores acontecem percebemos que a vida não é sempre como queremos nem agradável e que temos problemas... Uns mais graves, outros menos. Mas seja lá qual for o seu grau de gravidade são problemas. Mas sabes, a vida tem-me dado muitos pontapés, muitos murros no estômago... E quantas vezes eu não te disse que queria morrer, e que parti coisas e que até dei murros na parede (quando quase ia partindo a mão por Ele). Mas depois vejo que há sempre barreiras e problemas para ultrapassar, muros para derrubar e batalhas a vencer. E isso nunca é fácil, nunca... Mas também penso que se fosse as boas coisas da vida não seriam boas, seriam apenas banais... Sei que posso estar a ser estúpida mas para mim é isto que faz sentido... Podes nem chegar a ler nada do que eu te escrevi, mas é isto que faz sentido em mim... Eu não acredito em Deus, eu acredito nisto que te disse, nas pessoas que estão à minha volta e naquilo que me está a acontecer, que me aconteceu e que me virá a acontecer... Eu acredito nos factos, sejam eles bons ou maus... Se forem bons deves guardá-los sempre, para que te ajudem a ganhar força para ultrapassar os maus e deixá-los para trás... Mas não esquecê-los, porque são lições que tiramos, expriencias que, por muito que doam, vão melhorar a nossa vida...

Megan disse...

Não digas isso nem a brincar querida :x